calldocumentfacebookmessagemypartnerwindowsapplegoogleplayworkerroutecoinspinterestplaysearchsmartphonetwittercaraccordeonvideoarrowarrowdownloaddownloaduploadsection_scrollerglobemapIcon-Shop-Websitecontactenergyhomebridgeshighrisetunnelmininghousearrow-uparrow-downarrow-leftarrow-leftarrow-circle-rightchevron-right-circleuserexternlinkclose
Concordo que este website use cookies para análises e conteúdo personalizado. Saiba maisOK
Contato
Concordo que este website use cookies para análises e conteúdo personalizado. Saiba maisOK

Coca-Cola dobra a capacidade de produção com novo projeto em Santiago

18.11.2013 | Notícias
Em nova fase “Embotelladora Andina” amplia a sua produção no Chile.
Fundada por investidores chilenos e americanos na cidade de Santiago em 1946, a Embotelladora Andina possui a exclusividade dos produtos Coca-Cola no país. Atualmente, com o objetivo de aumentar sua capacidade operacional e dobrar sua capacidade de produção ampliou a sua planta e estabeleceu uma nova sede.

Em uma obra com investimento de 125 milhões de euros e realizada pela construtora Echeverria Izquierdo, foi erguido um novo edifício com 600 m2 de 6 pavimentos, com 2 subsolos e uma área de estacionamento. O prédio de escritórios possui lajes altas, com pilares e paredes de concreto arquitetônico aparentes.

Um empreendimento com soluções customizadas

Para a execução do projeto e construção das paredes externas do edifício havia o desafio de um acabamento personalizado solicitado pelo cliente. O concreto aparente arquitetônico foi utilizado na face da fachada que ficaria exposta. Dessa forma houve a necessidade de criação de uma solução customizada, com a adaptação das chapas das Fôrmas moduladas Framax.

Na fase inicial do processo de desenvolvimento dos trabalhos, além da competitividade dos preços, foi muito importante a apresentação ao cliente de como as paredes aparentes deveriam ser executadas, que envolveram reuniões e demostração de como ficaria a produção com desenhos à mão livre.

Para alcançar esse objetivo, a solução encontrada foi a utilização das chapas com aplicação de linguetas e ranhuras. Com elas foi possível obter o efeito desejado no concreto e atender a demanda do arquiteto. Assim, com a assessoria do instrutor de montagem da Doka, os vários setores da obra com concreto arquitetônico aparente tiveram o seu acabamento customizado, inclusive respeitando as variações e exigências do terreno.

Além da questão estética, o projeto também apresentou alguns outros desafios que precisaram ser sanados com a atuação dos consultores da Doka, como por exemplo, a escassez de mão de obra especializada na região e os prazos muito restritos. Esses impactos puderam ser minimizados com a grande disponibilidade de equipamentos, o que aumentou a velocidade de entrega já que não havia tempo para tramites burocráticos.

Segurança, eficiência e rapidez com diversos equipamentos

O projeto como um todo utilizou muitos dos sistemas oferecidos pela Doka na quantidade e prazos necessários para que qualquer atraso na obra fosse evitado.

Para os cerca de 500m² das paredes e fachadas, foram utilizados as Fôrmas moduladas Framax Xlife, que além da possibilidade de trabalhos customizados também possuem outros quesitos de diferenciação como o excelente acabamento, fácil manuseio e planejamento em função do sistema de modulação. Outro ponto forte do Framax é que todos os elementos de conexão e acessórios integram-se perfeitamente, garantindo rapidez e alta rentabilidade.

Para a edificação dos 1.500m² de lajes a Mesa Dokaflex foi a melhor alternativa por garantir economia em obras com grandes superfícies. Este bom resultado é alcançado devido a simplicidade de sua estrutura e elevada velocidade com que pode ser reposicionada e ajustada. Com adaptação perfeita a todas as características do projeto e menor necessidade de mão de obra, os custos finais são reduzidos graças à produtividade alcançada.

Durante todas as etapas da obra da engarrafadora, a questão segurança mereceu total prioridade e atenção dos responsáveis. Consequentemente foi adotada a utilização do Guarda-corpo da Doka, sistema que permite instalação fácil e rápida com múltiplas possibilidades de fixação, trazendo enorme versatilidade e ampliando a segurança e produtividade dos operários.

A Torre de carga Staxo 40 foi mais um dos equipamentos Doka que colaboraram na rapidez durante a construção do novo prédio. Com o manuseio extremamente fácil e sua excelente adaptabilidade a qualquer projeto de construção de edifícios, o Staxo 40 foi muito eficiente, pois sua montagem necessita de poucos componentes e todos eles leves, com seu deslocamento e elevação de torres inteiras, sem desmontagens dispendiosas.

Participação ativa do início ao fim

Em todo o processo de construção do empreendimento da Coca-Cola, o cliente apresentou total satisfação com o planejamento e as entregas realizadas pela Doka. Desde as fases iniciais, com o suporte oferecido em relação aos melhores caminhos a serem seguidos em relação às exigências de acabamento até as características técnicas do produto, o suporte foi realizado de forma completa.

Com a utilização dos guarda-corpos foi percebido a importância de um andamento seguro para que fosse obtido maior foco no trabalho. Os demais sistemas foram considerados fáceis de montar, com qualidade acima da expectativa, com destaque para a rapidez obtida pela utilização das Torres de carga Staxo 40 e a eficiência demonstrada na fácil montagem das Fôrmas moduladas Framax, devido a pequena quantidade de peças necessárias.

Também poderá estar interessado em:

Muskrat Falls - Doka como parceiro para o maior projeto de construção no Canadá

07/09/2014 | Imprensa

Doka participa da ampliação do Swissotel na capital Peruana.

12.05.2014 | Notícias